26/05/2022
  • 06:18 Homem morre em hospital após receber balaços em beco no tranquilo bairro da Compensa
  • 05:36 Homem é assassinado a facadas e corpo é jogado em Igarapé na Zona Centro-Sul de Manaus
  • 05:27 Ruivinha de Marte é comparada à campeã do jogo League of Legends e entra na onda
  • 05:26 Anitta é substituída por Ludmilla na festa Garota VIP e fãs reclamam da Fábrica de Eventos
  • 05:24 Um dia após se entregar para não ser executado, “Feroz” afirma que não matou PM em Manaus

Prefeita de Presidente Figueiredo deve anunciar, ainda este mês, os percentuais de reajuste dos salários, bem como progressões e outros benefícios para os servidores estatutários municipais

A prefeita de Presidente Figueiredo, Patrícia Lopes, se reuniu nesta terça-feira (10/05) com o Grupo de Trabalho (GT), criado por ela em fevereiro deste ano, para elaborar um estudo de viabilidade econômico-financeira para cumprimento das medidas de valorização dos servidores públicos municipais, que contemplam reajuste salarial e as progressões previstas no Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos dos Servidores Públicos Municipais de Presidente Figueiredo (PCCV).



Com o estudo concluído, em mãos, Patrícia Lopes disse que, ainda em maio, vai divulgar os percentuais de reajuste dos servidores efetivos, de todas as categorias profissionais, bem como progressões por titularidade e por tempo de serviço.


“A valorização dos servidores de carreira da prefeitura de Presidente Figueiredo é um compromisso da nossa gestão e, tão logo, cessaram os efeitos da lei complementar nº 173/2020, que estabeleceu o programa federativo de enfretamento a pandemia da covid-19, começamos a trabalhar para viabilizar a concessão dos benefícios que esses trabalhadores aguardam a muito tempo.

Formamos o GT em fevereiro e, agora, com o estudo concluído, vamos colocá-lo em prática”, afirmou Patrícia Lopes.
De acordo com a prefeita, além da melhoria salarial, os servidores terão outros benefícios, que serão implementados ao logo deste ano, como por exemplo, o pagamento do ticket alimentação. “Estamos definindo valores e mecanismo de contração do benefício. Mas, a nossa intenção é começar a pagar ainda este ano”, informou.


O Grupo de Trabalho que elaborou o estudo de viabilidade econômico-financeira para estabelecer a concessão do reajuste salarial dos servidores efetivos da prefeitura é formado pelos secretários municipais de Administração, Rayane Santarém Mendonça; de Planejamento e Finanças, Marden Eufrásio; de Governo, Carlos Dias; procurador geral do município, João Bosco Junior; de Educação Rodolfo Moares e Márcio Mourão.

lucas

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

error: Content is protected !!