26/05/2022
  • 06:18 Homem morre em hospital após receber balaços em beco no tranquilo bairro da Compensa
  • 05:36 Homem é assassinado a facadas e corpo é jogado em Igarapé na Zona Centro-Sul de Manaus
  • 05:27 Ruivinha de Marte é comparada à campeã do jogo League of Legends e entra na onda
  • 05:26 Anitta é substituída por Ludmilla na festa Garota VIP e fãs reclamam da Fábrica de Eventos
  • 05:24 Um dia após se entregar para não ser executado, “Feroz” afirma que não matou PM em Manaus

Autoridades da Colômbia confirmaram neste fim de semana que o baterista Taylor Hawhins morreu de uma overdose no quarto do hotel onde estava hospedado.

A Fiscalía General de la Nación – que é equivalente à Procuradoria Geral da Nação, no Brasil, informou por meio de nota: “No exame toxicológico de urina realizado em Taylor Hawkins foram encontrados preliminarmente dez substâncias, entre elas: THC (maconha), antidepressivos tricíclicos, benzodiazepínicos e opioides.”

O jornal Semana informa que também havia heroína no exame de sangue. Em 2001 o baterista havia sofrido uma overdose de heroína e ficado em coma. “Uma noite, eu estava festejando em Londres e por engano, fiz algo e aquilo mudou tudo. Eu acreditava na besteira do mito de rockstar em viver rápido e morrer jovem”, disse o baterista em entrevista à revista Kerrang, em 2019.

O músico tinha 50 anos e se apresentaria neste domingo (27) no Lollapalooza.

lucas

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT

error: Content is protected !!